Notícias

Paulinho Feroz presta grandiosa homenagem ao vereador José Roberto de Toledo Piza

15/03/2012

Paulinho Feroz presta grandiosa homenagem ao vereador José Roberto de Toledo Piza

Homenageando o saudoso vereador José Roberto de Toledo Piza, o Presidente da Câmara Municipal de Aparecida, Paulinho Feroz, apresentou Projeto de Lei que oferece o nome do edil para o prédio do CRAS (Centro de Referência em Assistência Social) do bairro de Vila Mariana.


"Para mim é uma grande honra poder homenagear este homem, que é digno de todas as honrarias que forem prestadas em seu nome. Ele foi um pai na política para mim, foi por causa de José Roberto de Toledo Piza, que identificou em mim o dom para política, que hoje ocupo este cargo", afirmou Feroz.


O Projeto foi aprovado por unanimidade pela Câmara Municipal, e agora aguarda sanção do prefeito Antonio Márcio de Siqueira para se tornar Lei. Abaixo, o currículo de José Roberto de Toledo Piza.


Resumo de vida: O presente tem por finalidade homenagear a memória do querido amigo José Roberto de Toledo Piza que desenvolveu um excelente serviço à sociedade.

Filho do casal Antonio de Toledo Piza e Maria Eunice de Castro Piza, natural de Guaratinguetá, faleceu e foi sepultado em Aparecida, com 64 anos de idade. Era casado, residente em Aparecida e pai de 06 filhos - 04 meninas e 02 garotos (um faleceu ainda menino).

Piza era professor de Ciências e jornalista profissional.

Durante sua vida foi: escrevente Autorizado do Cartório do 2° Ofício de Notas e Anexos de Aparecida e depois, Oficial Maior do Cartório. Exerceu também, o cargo de professor de Ciências, Desenho e Matemática, do então famoso Ginásio "Padroeira do Brasil", de Aparecida.

Cumpriu dois mandatos na vereança desta Casa de Leis, nos períodos de 19 de março de 1985 a 31 de dezembro de 1988 e de 01º de janeiro de 1989 a 31 de dezembro de 1992.

Anteriormente, ocupou no Município de Aparecida o cargo de Oficial de Gabinete nos governos dos ex-prefeitos: Manoel Alves Nunes (1969/1970), Vicente de Paulo Penido (1973/1977) e Alfredo Bourabebi (1977/1983). Assumiu ainda a Assessoria de Planejamento e a direção do SAAE - Serviço Autônomo de Águas e Esgotos.

Ainda na sua trajetória política, foi assessor do delegado federal de Agricultura do Estado de São Paulo, André Broca Filho; diretor geral da "Exposição de Aparecida do Ministério da Agricultura", que funcionou no sub-solo da Basílica Nacional de N. S. Aparecida; assistente de Pesquisa do CEPAM - Centro de Estudos e Pesquisas de Administração Municipal - Fundação Prefeito Faria Lima, (Cidade Universitária) em São Paulo; assessor do secretário de Estado de Relações de Trabalho, deputado Luiz Benedicto Máximo: assessor Técnico de gabinete e coordenador da Assessoria Política do presidente da Assembléia Legislativa do Estado de São Paulo, deputado Luiz Benedicto Máximo; assistente de Gabinete do deputado Luiz Benedicto Máximo, na ALESP. São Paulo. Em 1995, foi secretário Parlamentar do deputado federal Luiz Beneditcto Máximo.

Em Aparecida, além da vida política, participou no Município como Fundador, acionista e diretor-gerente da Rádio Monumental de Aparecida; diretor e acionista da Imobiliária Toledo Piza & Lott Imóveis de Aparecida; fundador e redator chefe do Jornal "O Aparecidense", que circulou na região em dois períodos: 1968 a 1972 e de 1984 a 1985. Como colaborador, foi diretor artístico da Rádio Monumental de Aparecida, além de colunista do jornal "O Lince".

Finalmente, atuou também na cidade de Potim como Diretor Técnico Administrativo da Câmara Municipal (07/1995 a 04/2001 e de 01/2005 a 12/2009); e em seguida como Chefe de gabinete do prefeito daquela cidade (01/01/2010 à 28/09/2010).